Novidades

Estampas de azulejos viram moda em roupas. Saiba como usar!

Tendência foi lançada nas passarelas internacionais e prometem invadir o verão brasileiro

Se você for ao shopping hoje, provavelmente vai cruzar com vestidos, saias e camisas que remetem às fachadas de casas tipicamente portuguesas. Mas não se preocupe, as lojas não foram tomadas por looks de Lady Gaga.

As estampas de azulejos de Portugal e cerâmicas italianas foram lançadas nas passarelas internacionais e já chegaram às vitrines brasileiras. As delicadas padronagens prometem virar a marca registrada do verão 2014.

De acordo com a personal stylist Danielle Ferraz, a tendência começou nos desfiles de Cavalli e Valentino, que usaram fundo branco e estampas em azul ou roxo.

— Nessa estampa, predomina o azul sobre o branco em desenhos barrocos.

Danielle afirma que ela não engorda nem emagrece por si só, mas costuma chamar as atenções para o lugar onde está localizada. Portanto, mulheres com quadris largos que não queiram destacá-los devem evitar minissaias de azulejo português, por exemplo.

Combinar uma peça com essa estampa parece uma tarefa árdua, para quem quer fugir da camiseta branca, mas Danielle garante que há opções.

— É possível combinar com uma peça lisa em uma das cores da estampa ou em um tom que coordene com os demais. Por exemplo, uma peça vermelha ou amarela quando a estampa é azul e branca.

Outra sugestão é formar um conjunto, usando outra peça da mesma estampa, ou fazer um mix com listras, por exemplo.

— Nesse caso, deve haver harmonia de cores entre as estampas.

Os acessórios vão depender do estilo da peça. Podem puxar para o náutico, para o rústico ou ter um toque sofisticado.

Mas, assim como as calças listradas, a estampa de azulejo português tem prazo de validade. Embora seja clássica, ela promete aparecer com tanta frequência que logo vai cansar.

— Por isso, é melhor apostar em peças menores e com estampas suaves e localizadas. No caso de um vestido, se a estampa for só na barra ou no decote, as chances de cansar são menores.

Fonte: R7

Deixe uma resposta




Buscar lojas